Eleições da AMB – um convite à transparência

É tempo de eleições na Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB).

Em uma eleição passada, lançou-se como candidato a presidente um juiz também integrante da associação dos juízes para a democracia – AJD. Na época, esse fato não foi ressaltado adequadamente na campanha. A chapa por ele encabeçada foi vitoriosa. Posteriormente, esse presidente tomou decisões contrárias à opinião da magistratura em temas polêmicos, alinhando-se ao posicionamento da AJD e, portanto, falhando, em representar adequadamente todos os magistrados.

Sendo o papel dos dirigentes da AMB representar os juízes dos mais diversos perfis, é necessário que os seus eleitores saibam quem eles são.

Assim, para que na eleição de 2019 os juízes possam fazer uma avaliação correta dos candidatos é necessário que haja mais transparência. O fato de um candidato a cargo diretivo da AMB pertencer à AJD é de interesse de todos magistrados eleitores.

Lanço, portanto, o seguinte convite para as chapas registradas: informar quais candidatos integrantes das chapas são também associados da AJD. Simples e objetivo. O convite é feito em nome da transparência e do respeito aos magistrados, que devem ser informados de tudo que é importante sobre quem pretende comandar a maior associação de juízes do país.

Conto com a ajuda dos colegas para que esse convite chegue a todas as chapas e para que as informações prestadas sejam divulgadas a todos.

#TransparênciaEleiçõesAMB

Juiz Odinei Draeger